domingo, 29 de janeiro de 2012

Minha Filha, Minha Casa

O Rio de Janeiro continua lindo. A notícia de que mães oferecem filhas adolescentes em troca de casas do PAC prova, mais uma vez, que a corrupção bota os "manguinhos" de fora também por lá. A sigla deve significar Programa de Ampliação da Cafetinagem e mostra que em todas as esferas do govêrno tudo está podre, muito podre, como os prédios do Centro. Desde os tempos de Cabral.

Flavio Marcus Juliano
Postar um comentário