terça-feira, 17 de novembro de 2009

Lula,o filho de Banânia

17/11/2009


Tão "oportuna" homenagem ao presidente Lula em ano pré-eleitoral - idéia genial da intelectualidade da esquerda pouco afeita à ética - e que vem dando, ao longo dos anos, toda sustentação à trajetória política de Lula....merece palmas, muitas palmas.
Não a Palma de Ouro...é evidente ! Merece a Palmatória da História !

Dizem os petistas que o filme não tem conotação política...haja cinismo .

Mas há que se reconhecer : a esquerda não brinca em serviço, pois um mega patrocínio a possibilitar uma máquina de propaganda monumental, com cinemas itinerantes, apresentação em universidades federais, lançamento de DVDs a R$10,00 ( concorrência com a pirataria ?) , vendas de ingressos subsidiados a empresas, é coisa inusitada no lançamento de qualquer produção do cinema nacional.

Mas absolutamente não existe uma conotação política para o lançamento do filme num ano em que o presidente vive, come e dorme num palanque itinerante com Dilma a tiracolo...não ...e isso também não caracteriza campanha antecipada, pois se assim fosse o STE já teria se manifestado e o silêncio dos magistrados é tumular!

Lula , como diz o filme, até poderia ser chamado filho do Brasil se não tivesse usado desde o primeiro mandato de expedientes tão rasteiros na política . Mas ele vulgarizou a sacripantice...oficializando a desobediencia à Constituição.

Lula é bem mais filho deste novo país inaugurado por ele...Lula é filho de Banânia! E os petistas podem até dizer que sofro de despeito...mas não é não. Sofro há 7 anos da mais profunda indignação!
Postar um comentário