sexta-feira, 23 de outubro de 2009

A lei de Tarso


21/10/2009
Concordo com Tarso Genro quando ele diz que não há antecipação de campanha por parte de Dilma , irmã siamesa de Lula no último ano e presença obrigatória junto a ele em palanque, templo, igreja, centro de umbanda, restaurante, botequim de beira de estrada, e até na margem do velho Chico ela estava colada nele. Tarso Genro achou um pêlo encravado na lei eleitoral que permite tudo isso, portanto, Tarso está certo em dizer que tudo é feito dentro da lei.

Fica então estabelecido que num país onde o presidente de fato do Senado é Lula, onde o presidente de fato da Câmara é Lula, onde o presidente de fato do STF é Lula, onde o presidente de fato do TCU é Lula, onde o presidente de fato do TSE é Lula, não há necessidade, como pregam os petistas, de se fazer uma Constituinte...já que não há porque mudar a Constituição de 88 - recheada de brechas legais a favorecer a marginalidade - ela se presta bem ao tipo de governo que temos!
Postar um comentário