quinta-feira, 16 de abril de 2009

Nas curvas do caminho

Anos atrás, o jornalismo da TV Globo era respeitado por suas matérias e comentários de seus âncoras. Depois, esse jornalismo foi amornando, os âncoras se tornaram simples narradores de fatos pouco ou nada detalhados, abstendo-se de comentar os mesmos.

Depois desta matéria do Estadão em que se escancara como o filhote psolista Protógenes Queiróz, delegado da Polícia Federal especialista em pinçar e deixar vazar dados sigilosos de suas investigações para usá-los como melhor lhe aprouver, e contando com a colaboração da equipe de reportagem da TV Globo para lançar na mídia ações espetaculares da Policia Federal , ficou claro para mim que o jornalismo desta emissora foi tomado de assalto por um setor da esquerda, que minimiza ou destonaliza os escândalos da gestão Lula ao mesmo tempo que se coloca a serviço do governo para este atingir seus desafetos, partidarizando assim um trabalho que devia ser orientado , no mínimo , à honesta informação da população brasileira.

É fato agora que se o governo Lula não conseguiu - em linha reta - aprovar a lei da Censura à Imprensa, está a conseguir seus propósitos através de curvas de outros caminhos.
Postar um comentário