domingo, 5 de fevereiro de 2012

ABELHA RAINHA

(No Estadão online, sexta-feira, 3.02.2012)
Em novembro de 1989 o Muro de Berlim caiu e a ilusão do regime comunista desmoronou. A diferença brutal entre a Alemanha Ocidental e a Oriental ficou escancarada e foi, com muito esforço, que os alemães conseguiram a desejada integração econômica e social. Até a China entendeu essa lição e passou a praticar um regime de capitalismo centralizado. Só restou um núcleo insistente de comunismo: o de Cuba, com longeva ditadura dos irmãos Castro. Talvez por isto é que todos os líderes da esquerda (ainda iludida) correm para aquela ilha, tomar a bênção de seu carismático ditador. Ouvi dizer que Fidel Castro é como a "abelha rainha" que sustenta o que resta da colmeia. E na sua falta, esta desfar-se-á. Será que um dia o "Muro de Berlim" também vai cair nessa ilha caribenha? Então, para onde voarão os "zangões"?
Silvano Corrêa
Postar um comentário