sábado, 18 de junho de 2011

NÃO ÀS DROGAS

(No Valor Econômico – SP e O Globo, RJ, sexta-feira, 17.06.2011)
Enquanto os Estados Unidos reconhecem os malefícios do fumo, impondo proibição de fumar em lugares públicos, até ao ar livre, alguns brasileiros querem fazer passeata para permitir (descriminalizar) o uso da maconha. Quando irão entender que droga é droga, faz mal, vicia, abre o caminho para drogas cada vez mais fortes e que seu uso traz prejuízo à saúde física e mental de nossa juventude? Se quiserem um Brasil mais saudável e menos viciado, deveriam é fazer passeata contra as drogas, de quaisquer tipo que sejam.
Silvano Corrêa
Postar um comentário