sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

BRILHANTEMENTE?



(Na Folha de SP e no Estadão Online, sexta-feira, 18/12/2009)
Para o sr. José Sarney, o Senado termina 2009 'brilhantemente'. Sim, para os senadores e para ele que se safou de um impeachment! Já para o resto da Nação não há brilho, mas decepção e desânimo. Para que o cidadão saiba o quão "brilhante" de fato é nosso Senado e governo, segue uma ideia. Nós já temos o "impostômetro", que "estourou" a marca de um trilhão de reais nos últimos dias. Que tal criarmos um "custômetro" para acompanhar os totais de custeio de cada setor dos governos federal, estadual e municipal? Assim o contribuinte poderia saber onde está indo a maior parte de seu suado dinheiro, engolido pelos abusivos impostos. Deduzindo-se os valores do "custômetro" do total do "impostômetro", saberíamos o que sobra para aplicar nos reais objetivos dos impostos: infraestrutura, saúde, educação, transportes, segurança, etc.. Tenho certeza que ao acompanharmos esses cálculos, o "brilhantemente" do sr. Sarney ficaria mais e mais obscurecido. Lembro-me de propaganda (de sabão) que dizia que seu produto "vale quanto pesa". No caso do Senado, e do atual governo como um todo, infelizmente, seu peso é tanto que, para todas as finalidades desejadas, seu valor é altamente negativo. Assim cabe a pergunta: onde está o brilho, sr. Sarney?
Postar um comentário