segunda-feira, 15 de junho de 2009

TAXA DE JUROS

TAXA DE JUROS-QUEDA DE JUROS; JUROS publicado no jornal O Globo, e O Popular GO E JORNAL EM TEMPO- MGem 14 de junho
O Brasil não tem motivos para comemorar o corte na taxa de juros. Apesar de ser o menor nível da história 4,9 o país ocupa o terceiro lugar dentre os países com a maior taxa de juros do mundo, perdendo apenas para China e Hungria. E para o consumidor o que esse corte de 1% na taxa Selic representa? Ainda nada. Pessoas físicas pagam na média 133,70 % ao ano de juros, enquanto em algumas financeiras as taxas chegam a 1500% ao ano. Como não há concorrência entre os bancos, os juros continuam altos. O governo como dono da CEF e Banco do Brasil poderia dar o exemplo baixando os juros para atrair o consumidor, inclusive cortar juros nos cartões de crédito, que são uma verdadeira bola de neve. Dificilmente quem fica no vermelho sai dele. Mas quem vai abrir mão e perder alguma coisa para beneficiar o consumidor? Onde todos querem ganhar, alguém sai sempre perdendo e nesse caso, a corda arrebenta do lado mais fraco o consumidor que acaba pagando a conta.
Izabel Avallone
Postar um comentário