domingo, 22 de fevereiro de 2009

CRISE BATE NA PORTA

CRISE BATE NA PORTA- publicado no Estadão on line em 21/01/09

A crise bate na porta do trabalhador. A Embraer demite 4.200 funcionários. Se esses trabalhadores ouviram Lula aconselhando-os ao consumo, como pagar as contas? 20% é o número de cheques devolvidos. Será que essas pessoas ouviram os conselhos do presidente e foram às compras? Se Lula tivesse comprado o aerolula da Embraer os funcionários estariam protegidos do desemprego? Quem sabe com os feriados do carnaval alguma luz possa surgir para proteger as vítimas do desemprego. Acorda Brasil

Izabel Avallone
Postar um comentário