quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

O gás e todo o mais.

Chego a crer que o assessor da presidencia Marco Aurélio Garcia nutre um profundo ódio pelo Brasil...pois em toda negociação que tende a ser positiva para nós, se ele interfere, o resultado nunca é a nosso favor. Veja-se agora o caso com o gás da Bolivia... quando se pensava que finalmente fossemos poder reduzir sua importação já que nossos reservatórios estão à tope...nos vem o Lobão avisar que isso não pode ser não...pois o que ficou finalmente tratado entre o ministro boliviano Carlos Villegas , Marco Aurelio Garcia e José Sergio Gabrielli , presidente da Petrobrás, é que - consumindo ou não o gás da Bolivia - o Brasil pagará anualmente a este país o equivalente a pelo menos 24milhões de m3/dia.

Até quando vamos assistir o país ser esbulhado para que se cumpram as metas traçadas por Lula e Fidel em 1989 no Foro de São Paulo?

Aliás, será que os leitores de jornais não mereciam uma matéria sobre este assunto...já que este tema-tabu nunca foi abordado pela mídia no Brasil ?
Os brasileiros nem sonham com o que ali foi planejado para a América Latina , muito menos para o nosso país.
Postar um comentário