quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

A Itália resiste!

A Itália não entrega os pontos diante da pública declaração de Lula de que a concessão de asilo ao criminoso italiano Cesare Battisti foi uma decisão "do País" e , por isso, é soberana.

Pelo contrário, o embaixador da Itália no Brasil Michele Valensise intensifica a pressão sobre o governo brasileiro, solicitando que a Itália seja ouvida sobre Battisti.Afinal, Battisti é cidadão italiano, comprovado assassino, cometeu os crimes em seu país e lá foi julgado, e portanto, quem não quis acatar a soberana decisão da Justiça italiana e do governo da Itália foi Lula e Tarso Genro , até por uma questão de afinidade ideológica, de quimica mesmo....e agora eles querem dividir a responsabilidade pela desastrosa decisão nas costas do país inteiro.

Bem, eu sou brasileira e não me afino nem com essa ideologia e muito menos com a "quimica" deste criminoso e não vejo porque ele tenha que ganhar a liberdade no meu país. Já basta ter que conviver com nossa própria criminalidade, o que não é fácil!
Postar um comentário