quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Vitória! Reforma golpista é adiada!

Em 06/10/2011

Vou ter que reconhecer que me surpreendeu a decisão dos deputados federais de se unirem contra a proposta de reforma política golpista criada pela mente maquiavélica do deputado Henrique Fontana (PT/RS), um que não dá ponto sem nó.

Mas não...tanto os partidos da base aliada como os da oposição se uniram contra a proposta , através da qual se tentava impor um sistema híbrido nas eleições proporcionais (onde os eleitores só poderiam votar em metade dos candidatos à "deputança" , pois a outra metade comporiam a tal lista fechada, da escolha dos mesmos que lá já estão...ora!) e financiamento público de campanhas eleitorais com dinheiro de empresas estatais e privadas. Na repartição da verba destinada à campanha, a maior parte era do partido da situação e seus aliados...o que só favoreceria o PT a se manter no poder sem ter que se preocupar mais com o caixa de campanha...

Era uma reforma política para assegurar o poder ao PT por tempo indefinido...e ainda bem que os aliados acordaram...pois por este sistema o PT se propunha não só a engolir a oposição como também os sonhos de vôos mais altos de seus próprios aliados. À propósito, adorei a foto a página A8, as fisionomias de Henrique Fontana e Almeida Lima dizem do tamanho da frustração!
Postar um comentário