quarta-feira, 19 de outubro de 2011

OS BANDIDOS DO AMAPÁ

Como que num Estado como o Amapá, onde a maioria da população vive na mais extrema miséria física e cultural , se descobre instalado um esquema de desvio dos cofres públicos de tal grandeza, com valores superiores a 1 bilhão de reais? Só pode ser com a concordância de um governo do tipo Cosa Nostra lá instalado , garantindo saques milionários e mensais de verbas públicas e superfaturamento em contratos do governo estadual e da prefeitura de Macapá...executados de forma tão corriqueira e aberta que demontra total certeza da impunidade.

Não por acaso estariam envolvidos neste esquema criminoso integrantes do Tribunal de Justiça do Amapá, da Procuradoria-Geral do Estado, do Ministério Público, deputados estaduais, funcionários dos Executivo estadual e municipal, e até jornalistas...e com esse ror listado...não se estranha a tranquilidade dos criminosos..a impunidade era garantida!

E ainda há ministros do STF que se sentiram insultados pelo fato da corregedora Eliana Calmon ter denunciado a presença de bandidos escondidos atrás da toga... e também dela ter se insurgido contra a intenção do STF reduzir os poderes do Conselho Nacional de Justiça que , justamente existe para combater e apontar os tais bandidos togados. Este sentimento de repulsa de um ministro pode ter sido causado por um excesso de corporativismo e elitismo de juízes do STF, que não admitem críticas e se colocam acima do bem e do mal...ou foi porque eles não acreditam realmente que juízes possam ser bandidos....ora.... Creio que este escândalo no Amapá possa , ao menos, servir para abrir os olhos cegos da nossa Justiça!
Postar um comentário