sábado, 13 de agosto de 2011

A semana d'opegapulhas

1-A insustentável leveza
"Quando o dinheiro é público, não pesa no bolso"; "mandou para Brasília, ficou fácil"; "É pro govêrno? Tudo vezes três"; "interesses preservados do senador". E vão ser soltos por falta de provas? Até quando o povo e a irresponsável oposiçao vão ficar quietos?

Flavio Marcus Juliano

2-Sorria,povinho!
"Sempre seremos um país AAA" , disse Obama. No Brasil, com o govêrno, Congresso e ministros que temos, sempre seremos um país AH! AH! AH!.

Flavio Marcus Juliano

3-Não tem preço!
Os defensores de plantão podem espernear, achar "inaceitável", "abuso", "situação vexatória", "excesso", "escracho","humilhação", mas encontrou-se a melhor e genial forma de combater a impunidade: é a exposição pública de fotos de pose e algemados dos envolvidos em crimes com o dinheiro público. Embora com os bolsos cheios de dinheiro sujo, ver a carinha deles, não tem preço. É prá fazer chefinho correr pro banheiro, não sabemos se de receio de ter que fazer pose também !
A página A4 de 13/08/2011 do Estadão merece aplausos.

Flavio Marcus Juliano

4-A semente do mal (editado no Estadão.com em 13/08/2011)
Os frequentes escândalos de corrupção, irregularidades, loteamento polìtico, desvios éticos em contratos e licitações, que recheiam os oito meses desse govêrno, sempre descobertos e investigados pela mídia, nunca por iniciativa honesta e íntegra dos governantes, nos faz concluir que a semente do mal está ampla e ràpidamente espalhada pela administração publica brasileira e os frutos que o povo vai colher serão da pior qualidade. E já tem ex-ministro semeando emprego nas vagas disponíveis.

Flavio Marcus Juliano

5-Colheita maldita (editado no Estadão.com em 10/08/2011 e publicado no Diario de São Paulo em 13/08/11)
Mais sementes podres aparecem, agora no Ministério da Agricultura. Neste governo, quando o assunto é cor-
rupção, em se plantando, dá! Que coisa! Nem as moscas mudam nesse govêrno?

Flavio Marcus Juliano

6-Omelete federal
Somos governados por cabeças de ovo, que se dizem chocados! A utilização de algemas está muito clara. Quem rouba dinheiro público é perigoso e tem que ser exibido algemado ao povo, para que este se lembre sempre de não votar em políticos incompetentes que empregam pulhas como secretários, assessores etc. Como disse o vice-presidente, há perfeita harmonia entre o govêrno e o PMDB. Tradução: não se salva ninguém!

Flavio Marcus Juliano

7-Jovem guarda
O jovem leitor Gabriel Cardoso, um belo exemplo de apenas 14 anos, critica o atraso brasileiro na área de ciências e gostaria que o povo se ligasse no problema. Seria fácil se milhões de jovens como você procurassem instrução e não dessem ouvidos a políticos analfabetos que dominam o governo brasileiro e sentem azia ao ler. Gabriel, leia com interesse a Enciclopédia do Saber e convença seus amigos a fazer o mesmo. Se você mudar, o Brasil muda junto com você!

Flavio Marcus Juliano

8-Recado bíblico
iE-mail do Papai do Céu para Moysés, pois celular é proibido na cadeia:

"A transgressão do homem mau o apanha na sua própria armadilha, mas o justo canta e se regozija".
Provérbios. 29:6

Flavio Marcus Juliano

9-Sorria!
A capa do Estadão de 10/08/11 me deixou curioso: vocês já viram alguém ser preso e ficar com um sorriso nos lábios?
Será que a certeza de impunidade e soltura é tão grande assim, graças à ligações com certos senadores?

Flavio Marcus Juliano

10- 8o. Mandamento (editado no Estadão.com em 11/08/2011)
E eis que Moysés, fazendo turismo com mais 37 cumpanhêros , não observando o oitavo mandamento, encontrou a polícia para prendê-los. Como não mediu consequências, pensando que pode tudo, só porque sua protetora- só mesmo ela - tece elogios à sua "conduta exemplar", é necessário que se responsabilize e seja responsabilizado pelos seus atos. Papai do Céu abençoa quem critica sempre a protetora de Moysés e não gosta nada, nada, que missivistas do Fórum sejam intimidados por quem não tem integridade para tanto. Relaxe e goze na suíte penitenciária, enquanto o mar de lama vai se abrindo, milagrosamente, por conta própria!

Flavio Marcus Juliano

11-Muy amigo!
Se, sem campanha, a ex-prefeita já tem 39% de rejeição, seu muy amigo ex-assessor, em regime de prisão temporária, deve fazer esse número virar 93..........Diga-me com quem andas, que eu te direi quem és.

Flavio Marcus Juliano

12- Cêsto arquivo
Numa certa segunda-feira , o Ministro do STF Joaquim Barbosa encontrou sua mesa cheia. Teria sido uma construtiva tarefa ler tantas sugestões , ótimas e criativas, vindas de todo o país, de como deveria ponderar sua decisão. Pena que a enxurrada de telegramas pedindo a êle rigor na punição aos réus do mensalão, deva ter sido ignorada e ido para o "cêsto" arquivo, apequenando sua biografia, ao esquivar-se de punir os integrantes da quadrilha.

Flavio Marcus Juliano

13-Vai pro Guinness!
Mais um recorde brasileiro! O único país que possui um presidente, um co-presidente e um vice-presidente. E só um co-manda!

Flavio Marcus Juliano

14-Separar o joio
Antes que algumas pessoas, totalmente despreparadas, se entusiasmem em concorrer ao cargo de prefeito de São Paulo, seja pela primeira vez ou, teimosamente, de novo, é bom o eleitor paulistano começar a campanha de desmartamento junto ao seu círculo de amizades. Até agora só se apresentaram piadas: um que quer ensinar as crianças a falar errado, outro que não consegue andar e mascar chicletes ao mesmo tempo, outro que, ao ver o povo com problemas, lhe pede para relaxar e gozar, outro que é irrevogàvelmente aloprado......não é porque Kassab faz uma péssima administração que temos de escolher elementos muito piores.

Flavio Marcus Juliano

15-Perder ou ganhar?
A ex-prefeita de São Paulo disse que se o co-presidente - extremamente empenhado em emplacar seu candidato a prefeito da "jóia da Corôa"- não quiser ganhar, irá com Haddad. Talvez mais um ataque de estrelismo ou dor de cotovelo, por não ser a bola da vez. O que importa é que São Paulo não quer perder e nenhum candidato petista, inclusive a ex-prefeita, precisa se entusiasmar com a indicação, pois a rejeição aqui é altíssima. Não é porque Kassab faz uma péssima administração que a cidade escolherá coisa comprovadamente pior.

Flavio Marcus Juliano
Postar um comentário