segunda-feira, 2 de maio de 2011

Sinais dos tempos

Década de 60/70, estudantes e intelectuais em fúria clamando por liberdade e esbravejando contra o governo dos militares. Para todos que se insurgiram a resposta foi dura e já a esperada por eles. E para aqueles que não se envolveram e continuaram a trabalhar, a vida até que seguiu tranquila....Parece que viviamos em departamentos estanques, em bolhas separadas.

Pois bem...chegamos a novos dias, e todos que lutaram contra o governo militar estão ocupando cargos no governo e/ou recebendo aposentadorias compensatórias de alto valor. A justiça parece estar sendo feita assim...com favores, cargos e cifrões. Para as familias dos civis mortos pelos terroristas , nada vezes nada.

Aconteceu...eles finalmente chegaram ao poder. Mas não os vejo esbravejando contra a censura cometida contra a imprensa...muito menos contra o deboche que é cometido contra os críticos deste governo quando , por exemplo, congressistas indicam um Tiririca para a Comissão de Cultura e um Renan para a Comissão de Ética.
Nada disso é motivo de crítica para um Chico Buarque, para um Caetano Veloso...Parece que eles aprovam tudo como está!

Mas não eram eles os portavozes da esquerda, campeões da ética , da luta pela liberdade e pela transparência? Coisa nenhuma: naquele tempo, lá atrás, eles lutavam para implantar uma ditadura comunista neste país. Quanto à ética e o que entendem por liberdade... é só lembrar que para eles o mestre maior foi Stalin...Daí se entende que a mentira e o deboche , a amoralidade e a censura , a versão pessoal e desconstrução histórica, a perseguição e a tentativa de execração pública fazem parte de sua cartilha . Por isso que Preta Gil tem coragem de vir dar lição de moral em Bolsonaro depois de provocá-lo num debate televisivo...sua noção de liberdade e decência não inclui respeitar a opinião que outros possam emitir...se forem contrárias ao que ela mesma pensa.

Neste país das maravilhas , mais um pouco uma "Rainha Louca" poderá determinar: Cortem-lhe a cabeça!
Postar um comentário