quarta-feira, 11 de maio de 2011

QUERO O MEU

(No Estadão online, quarta-feira, 11.05.2011
Tergiversações a parte, não há argumento que justifique a concessão de passaportes diplomáticos aos filhos e netos do ex-presidente Lula. Esse ato é o equivalente a "nepotismo", ou uma vantagem especial concedida a parentes "reais" por ordem de quem se julgava dono da "coroa". Espero que o Ministério Público deixe bem claro que o Brasil não é, nem foi nos últimos oito anos, um reinado. Nem Lula teve direitos a realeza, como parece que pensava, assim como querem seus bajuladores companheiros. Se isso não for corrigido, significa que o Itamaraty liberou geral, e também quero para mim, minha mulher, meus filhos e netos o cobiçado passaporte. Eu mereço tanto como os herdeiros do cidadão (ex-especial servidor público) Lula da Silva!
Silvano Corrêa
Postar um comentário