terça-feira, 26 de abril de 2011

Castelo de Areia esboroado?

06/04/2011





A Justiça fez esboroar a Operação Castelo de Areia atraves da qual a Polícia Federal investigava licitações fraudulentas que favoreceriam a Construtora Camargo Correia. O desvio de recursos de obras superfaturadas para o exterior (entre as quais cita-se a de uma refinaria no Nordeste, na qual e só nela o TCU aponta prejuízo de R$ 71 milhões ao erário) por meio de empresas de fachada e via dolar-cabo seria a forma de garantir que este dinheiro devidamente lavado ou esquentado, não sei...voltasse na forma de doações a partidos para financiamento de campanha. Um super hiper mensalão partidário... A Justiça desconsiderou todas as provas conseguidas atraves de denúncias anônimas, o que significa que este amparo legal a denunciantes deixa de existir. Acontece que um cidadão precisa ter um instinto verdadeiramente suicida para dar a cara à mostra em denúncias de questões como essa, que envolvem o desvio de somas monstruosas...Será que a "Justiça", com esta decisão esdrúxula, não arrumou uma maneira de acabar de vez com toda e qualquer investigação que possa incomodar a alguns setores? Afinal, podemos hoje ainda confiar na isenção das decisões da justiça ...nestipaíç???
Postar um comentário