sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Falando de Pac...

18/02/2010



Numa roda de conversa sabem o que acabei ouvindo? Disseram que nas licitações de obras do PAC, triplicam-se os preços mínimos das obras a serem feitas...até aí, mais ou menos o usual.Mas vejam essa agora: quem ganha a concorrência tem que "ofertar" a metade do lucro líquido para o PT/Dilma, ficando como um compulsório donativo de campanha, portanto, fora do alcance do Tribunal Eleitoral. As empreiteiras idôneas que apresentarem/cotarem um preço justo - ou seja, abaixo daquele preço mínimo inchado - são afastadas/inabilitadas por razões diversas já na primeira fase da licitação.

Dizem que isto está se reproduzindo em todas as obras do PAC pelo Brasil....e à ser verdade, tem muito dinheiro rolando por aí. Nem tudo que se ouve é vero, mas é vero e comprovado que onde rola dinheiro gira também a roda da trambicagem, ainda mais em ano de importante campanha eleitoral "neste pais"...

Será que não vale a pena conferir? Fácil de comprovar não é...mas não vale o desafio?
Postar um comentário