domingo, 1 de novembro de 2009

ATOS ILÍCITOS DO CONGRESSO TERMINAM SEM PUNIÇÕES

(fonte: abobado.wordpress.com/)

ATOS ILÍCITOS DO CONGRESSO TERMINAM SEM PUNIÇÕES- publicada no Jornal da Tarde em 01.11.09

Foi confirmado a demissão do Sr. joão Carlos Zogbhi, ex-diretor de recursos humanos do Senado, por ter favorecido a Contact Assessoria de Crédito. O ex-diretor tinha uma ex-babá como sócia, "uma laranja", intermediando empréstimos consignados a servidores do Senado. "PF indicia Zogbhi por 3 crimes" (Política,11/8.pág.12-A). Será que a demissão é para valer? Conhecendo o hitórico dos caciques que mandam no Congresso é de duvidar que esta demissão não será contestada mais a frente por ferrenhos advogados acostumados a livrar clientes de atos ilícitos praticados nos governos. Não é possível que o rigor da lei só existe para punir inocentes.
Postar um comentário