sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Auxílio-Reclusão: "Mesada" da Previdência Social para dependentes de presos.


Esse Brasil petista caminha célere para o mais completo "descaminho". Quanto o assunto é concessão de aumento para aposentados, o Governo alega que não pode assumir índices decentes, para não colocar em risco a saúde financeira da Previdência Social, esquecendo-se que, na ânsia de fazer proselitismo eleitoral "estupra" cotidianamente os cofres da nação, criando uma série de "esmolas sociais" que garantam a dependência financeira de milhões de miseráveis eleitores. Para completar o festival de canalhices, inventou-se até mesmo um tal "Auxílio-Reclusão", que também pode ser chamado de "Bolsa-Marginal". Essa excrescência consiste em "um benefício devido aos dependentes do segurado recolhido à prisão, durante o período em que estiver preso sob regime fechado ou semi-aberto". Está duvidando? Entre no portal do Ministério da Previdência Social (site: http://www.previdenciasocial.gov.br/conteudoDinamico.php?id=22) e confirme. Enquanto os filhos das vítimas ficam desamparadas, entregues à própria sorte, os filhos dos criminosos passarão a receber uma mesada governamental, como se seus pais estivessem "doentinhos". Diga se não o fim da picada! Isso é que dá deixar que as Leis sejam feitas por quem sabe que a qualquer momento, por conta das maracutaias que praticam, podem ser alcançado por elas, e ter de passar a ver o "sol nascer quadrado".

Júlio Ferreira / Recife - PE
Postar um comentário