domingo, 2 de agosto de 2009

ciro gomes vem aí, laiá-lará-laiá.

Neil quá quá quá Ferreira.

A janela de compras está escancarada. A bispaiada comprou Gugu, silvossantos comprou Justus e levou a loirinha de contrapeso, o Manchester City comprou Tevez, o Cara comprou ciro gomes, que estava em oferta especial lá nas caatingas.
Para quê o Cara quer o ciro ? Sei lá. Vai ver, pelo mesmo motivo que enfiou sua Coroa goela abaixo do petismo -- para mostrar que o osso tem dono, para exibir a chave do cofre.
A cumpanherada desatinou com as pesquisas. Desesperada, busca reforço na grande nação do nordeste. Não os heróicos Trezentos de Esparta, mas o Unzinho do Ceará, ciro. Não Ciro, o Grande. Mas ciro, o gomes, o Grande Boquirroto.
O Cara continua balançando a pança, alô alô martaxinha aquele abraço! Escondeu o “paz e amor” no armário, atiça o pitbull boca de aluguel, “Isca, ciro !” para morder em Sumpólo, ciro carcará “Pega, matá e come!”
Que meda, tapeia os famintos bolsistas-esmoleres lá de cima que o elegeram deputado federal, psb/Ceará, e muda o domicílio eleitoral para Sumpólo, vem no próximo pau de arara ou já veio no último, isso para mim é um mistério. Ilumine este débil mental, quem tem domicílio eleitoral em Sumpólo pode ser deputado pelo Ceará, ou o cabra vai ter que largar a boquinha ?
Pólista de nascimento, sai para gunnnverrnadô, ou vice da Coroa do Cara, ou para presiMente, nanico que sempre foi. Encourado, guaiaca arreada, pexera na boca, calibre 12 ensarilhada, Glock na mão, cangaceiro da mulesta. É de morrer de rir.
FHC, sempre um gentleman, definiu ciro numa entrevista ao “Roda Viva” da TV Cultura: “mau caráter”. Falô e disse.
“Habemus” candidatos lullopetistas às pencas -- suplicy, martaxa, merdacante, paloffi, berzoini, o trambiqueiro imobiliário abaixo de qualquer suspeita; deixou 15 Mil Mutuários do Bancoop chupando o dedo e sem teto, mas entregou prontinho o apartamento de luxo do Cara no Guarujá.
O solerte encenador suplicy quer disputar o gunnnverrno de Sumpólo. Mandou recado rabiscado num papelucho branco, guardanapo do PF, prato feito, no pé sujo Zero Estrela, ponto chic do alto clero lullista.
O Cara queimou-o imediatamente, Cardeal Primeiro e Único que é.
A oferta deveria ser cochichada nos esconsos dos porões governistas, afogados no habitual esgoto da corrupção. Se o Cara queimou o correio elegante, ipso facto elle, o Cara, não o vazou. Vazou quem o rabiscou, o autor, por ansiar que urbi et orbis conhecessem suas nobres intenções.
Analistas políticos, pagos a preço de perfuração de petróleo pré-sal, praticam contorcionismo mental digno do Cirque de Soleil para convencer-nos de que as pesquisas que dão mais de 80% de aprovação para o Cara são corretas.
As que dão Alckmin por cima da carne seca na sucessão de Sumpólo, não são. Os ibopes são os mesmos, vá a gente entender o Jornal Nacional da Globo, Diário Oficial da União.
Não podemos esquecer que a capital de Sumpólo, a maior cidade nordestina do mundo, deu Treze Sovas Consecutivas no Cara em eleições majoritárias. Aqui elle não ganha nem torneio de bocha no córintcha, vence levantamento de cálice no boteco da esquina e olhe lá.
É um mistério que o encenador mogadon, famoso pela velocidade do seu raciocínio, tenha se colocado à disposição do Cara e não do eleitorado nem do partido, o pt. É como se o Cara fosse tudo ao mesmo tempo, eleitorado e partido – o que na realidade elle é para a Coroa.
Nossa democracia dispensa a obrigatoriedade de termos presidentes, como Dutra, Sarney e Itamar provaram. Um pinguço pode ser presidente, como Jânio demonstrou. Um doidão chega lá, não por muito tempo mas chega, como Collor deixou claro. Um apedeuta sucede com shows de grossa inguinoranssa como agora assistimos, a um intelectual tido por seus pares da Inglaterra, França, Alemanha e Rússia como o quadro político mais bem preparado do mundo, quando cumpriu seus dois mandatos.
Entende-se que suplicy acredite que “Yes” elle “Can”, acha que qualquer um “Can”. “Can” uma ova, cara. O Cara sabe que uns 30 anos de exposição à martaxa relaxa e goza produziram-lhe sequelas irreversíveis, além de conhecida decoração no frontespício, et pour cause padece de “perdas de eixos” e idéias exóticas, não há cura.
A cumpanherada sabe que o Cara pode ser apedeuta mas não é besta, busca um “Plano B” para a eleição de Sumpólo que desinclua suplicy e que faça frente ao Alckmin. Li que o merdacante quer a boca. A bordo do seu dossiê falso, corrupto e aloprado, apanhou feio do Serra já no primeiro turno. Fala-se que a martaxa relaxa e goza, que levou tremenda e histórica enkassabada, sonha com o gunnnverrno de Sumpólo ou uma boca na embaixada em Paris. Os paloffianos juram que, in pectore, paloffi é o candidato do Cara.
Gente finíssima, paloffi é metido com a sujeira feita com o caseiro Nildo, os trambiques da máfia do lixo em Ribeirão Preto e com o registro da sua candidatura a deputado federal, pt/SP (teve 140 mil votos), com dois CPFs diferentes como registrou este Diário do Comércio. Sumpólo não, violão.
LE 14 JUILLET FOI 3ª FEIRA. A DATA DEU UMA BOA IDÉIA.
LE ROI LOUIS 51 ET LA REINE MÃINHA ANTOINETTE QUE PONHAM SEUS EMPAPUÇADOS PESCOCINHOS DE MOLHO.
AUX ARMES CITOYENS.
Postar um comentário