domingo, 7 de junho de 2009

REFORMA TRIBUTÁRIA NÃO SAIRÁ ATÉ 2010

Para Bernardo, reforma tributária não sairá até 2010/ GOVERNANÇA -publicado no DM de GO em 04/06/09 e Correio Braziliense em 07/06/09 e Jornal Valor Econômico em 08/06/09

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, confessa que a reforma tributária não deve ser votada no governo do presidente Lula. Basta pegarmos os discursos de Lula candidato e ouvir quando ele prometia fazer as reformas tributária, política, da previdência e melhorar o salário dos aposentados. Faltando pouco mais de um ano para o término do governo, começam a aparecer sinais de que o que o PT pregou também não passou de falácia. Paulo Bernardo ainda disse que são necessárias medidas para melhorar a gestão. Nos dois mandatos, não foram poucas as vezes que lemos que o governo precisava gastar menos e gastar bem. Lula gastou muito e mal. Interessante notar que, para inchar a máquina, o governo não precisou mostrar competência. Com tanta gente “mamando nas tetas do governo”, haverá alguém interessado em aliviar os ombros dos trabalhadores com essa carga indecente de impostos?
Izabel Avallone
Postar um comentário