quinta-feira, 21 de maio de 2009

CPI da Petrobras contra a tunga oficializada

19/05/2009

Assistindo a entrevista concedida pelo Sen.Álvaro Dias no programa Roda-Viva da TV Cultura, ví este paulista formado em História dar um "baile" nos jornalistas entrevistadores, que tentaram pegá-lo com iscas petóides e ficaram com cara de tacho . Desmontou todo o discurso de Lula de que esta CPI é antipatriótica pois abalaria a imagem da empresa e futuros negócios. O senador demonstrou que tanto não abalará como , mesmo com o risco de ser instalada CPI , nos últimos dias as ações da Petrobrás subiram no mercado, talvez a demonstrar que o investidor vê na investigação sobre o gerenciamento da empresa um fator positivo que aumenta a confiança no seu investimento. Pois o que desvaloriza a Petrobras é a corrupção e o loteamento levado à cabo dentro dela pelo governo Lula, e este sim é o fator que puxa sua qualidade de emprêsa para baixo .

E diante da afirmativa de Lula de que esta CPI é palanque para tucanos, Álvaro retruca com uma pergunta: será que diante de acusações gravíssimas contra a gestão da Petrobras , que colocam em risco todo o futuro da maior empresa brasileira, Lula preferiria que a oposição ficasse inerte...só porque no próximo ano haverá eleições? O país pára por causa de eleições? O PT parou alguma vez quando era oposição?

A pergunta do reporter do "porque agora?" desta CPI , quando algumas denúncias de corrupção na empresa já vem desde a época do mensalão...o senador explicou que só agora existe um leque de fatos, uma sucessão de denúncias graves de gestão temerária que estão abalando a imagem da Petrobrás até diante de instituições internacionais.
Esperar que passe 2010 porque é ano eleitoral significa assumir uma postura irresponsável e uma omissão , essa sim, antipatriótica.
Portanto a CPI não nasceu como instrumento de campanha, o que não significa que não possa vir a ser dependendo dos resultados.
Por isso mesmo é que os governistas já se mobilizaram para aparelhar a CPI da Petrobras, tentando abortar as investigaçõe.
Outra tentativa de se esvaziar as investigações foi a de se instaurar uma CPI em paralelo na Câmara, feita pelo dep.André Vargas(PT-PR) , sem dúvida um grande patriota...um nanopolítico como tantos que estão a infestar Brasilia.

Álvaro Dias se queixou , particularmente, da maneira como a avalanche de MPs de Lula são votadas no Senado: tudo feito no atropêlo e sem que os senadores tenham siquer tempo de se inteirar de seu "real" conteúdo...aquilo que está enxertado nas entrelinhas ou escrito em letras microscópicas. E, disse um jornalista - há suspeita de que numa destas MPs já aprovadas pode estar contida a tábua aparentemente salvadora do presidente da Petrobras...uma cláusula que já tenha adrede legalizado as operações "bizarras" que fizeram com que a Petrobras sonegasse cerca de 4 bilhões de reais à receita federal.
Só que , em sendo verdade, isso significaria que a investigação na Petrobras é mais procedente e urgente ainda, porque fica demonstrado que a raíz da corrupção estaria fincada no Palácio do Planalto, já que é lá dentro que está instalado o forno de pizzas das Medidas Provisórias.
É aí que mora o perigo para o governo lulopetista...a investigação estrapolará a Petrobras e vai adentrar território do presidente da República...harebaba!
Se essa MP recheada existir, Lula terá dado um tiro no próprio pé!

Outra questão importante e que - parece- os jornalistas não quiseram explorar mais...ou por falta de tempo ou de interesse, não sei: o fato da súbita enxurrada de denúncias contra congressistas -todas procedentes, é certo -serem muito oportunas pela quantidade e pela conveniencia do momento ,de se vender , à população , a imagem de que o Congresso é uma instituição falida e portanto dispensável. Álvaro Dias deixa claro que congressistas podem ser moralmente falidos, mas que o Congresso, como instituição, não. É pilar importante de regime democrático. E que tudo isso teve uma só motivação:abalando a instituição Congresso, tirar-se o próprio Executivo de foco.
Pois com essa suspeita de MPs recheadas de podridão tendo que ser votadas às carreiras...bem pode estar aí a preocupação do governo de jogar cáca no ventilador do vizinho para manter o Executivo longe do palco. É o que também justificaria tanta correria de governistas e aliados para jogar água na fervura da CPI da Petrobrás.

Porque, a se confirmar a suspeita, Lula passa a ser um presidente que facilitou a Petrobras a tungar o próprio Estado brasileiro através de Medida Provisória por ele assinada, para benefício de seu partido e de sí próprio. Oficializar a tunga...essa é de emocionar até Alí Babá e seus quarenta ladrões.
Postar um comentário