quinta-feira, 5 de março de 2009

Começar de novo.

Demétrio Magnoli em seu artigo no Estadão "Um grande Maranhão" (05/03/2009) aprofunda ainda mais o tema inaugurado pelo Sen. Jarbas Vasconcelos, onde expõe as vergonhas do PMDB, o eterno partido da situação. De qualquer situação...

Conclue que este partido é um cancro a se disseminar por sucessivos governos e que está fazendo apodrecer todo o sistema politico.
Ora, cancro, se não for extirpado, e junto com suas metástases, mata o paciente. Que se cancelem então todas as legendas, pois está tudo podre!

Conclusão: temos que exigir que se zere nossa politica, um começar de novo, e para isso só conheço um jeito: revolução.
Revolução: mudança completa; reforma; transformação (Dicionário Brasileiro-Mirador).

E revolução, pacifica ou não, pode começar de cima para baixo, de baixo para cima, de dentro para fora e de fora para dentro, entendam como quiserem.
Ou é isso, ou a corrupção e o caos politico-social , armas preferidas da caquética esquerda para chegar e se manter no poder, acaba seu trabalho de inverter e desconstruir todos os valores mais caros à etica nacional. Não por acaso Lula presidente tratou de aliar-se ao partidão...lhe está sendo muito útil!
Postar um comentário