sexta-feira, 6 de março de 2009

BISPO SEM COMPAIXÃO

BISPO SEM COMPAIXÃO- publicado no Estadão on line em 07/03/09

O bispo Dom José Cardoso, de Olinda, ao falar sobre a decisão médica de interromper a gravidez da inocente criança de 9 anos causa indignação e revolta. O bispo deveria ter excomungado o padrasto da menor de 9 anos que abusou e engravidou sua vítima. Sua atitude mostra o atraso da igreja, o radicalismo nas posições. Por que a igreja não pune os padres pedófilos? Onde está a sensibilidade desse senhor religioso que não respeita o ser humano na sua essência? Por que o bispo não se ofereceu para ajuda a menina a criar as crianças e não assina um termo de responsabilidade caso ela tenha qualquer complicação no parto? Por que a Igreja não pode fazer caridade numa situação pontual como essa? Caridade não se faz somente com dinheiro, mas com atitudes que demonstrem compaixão pela vida do outro. Isso o bispo não mostrou. O aborto em casos como esse é uma opção de vida dessa criança que não reúne condições para carregar esse fardo que lhe foi imposto de forma vil e cruel. E a mãe dessa criança onde estava quando permitiu tais sevícias? Ela é culpada porque levou um traste para dentro de casa. Cadeia para os dois!


Izabel Avallone
Postar um comentário