segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

O Brasil na FAO

Escrita em 24/01/2011


Que credibilidade tem o Brasil de hoje para pretender que José Graziano chegue à diretoria-geral de fundo da ONU para alimentação e agricultura nos países do hemisfério sul?

A diplomacia brasileira está totalmente desacreditada depois que Amorim e top top Garcia fizeram do Itamaraty um instrumento ideologico do governo brasileiro e agora, encontra-se totalmente minado pelas suas estrepolias. Tornar questão de honra para o país a escolha de um brasileiro para a FAO é risco para mais frustrações, já que nossa idoneidade perante o mundo está em baixa.

Aliás, como pode a ONU confiar num país cujos governante e instituições não respeitam siquer o Direito Internacional, nem mesmo o milenar Direito Romano , e muito menos o soberano julgamento de um criminoso italiano pelas leis da Itália...alegando que a decisão de não extraditar Battisti é vontade soberana do governante brasileiro?

Posso estar equivocada, mas José Graziano é um brasileiro indicado pelo governo do Brasil para ocupar um cargo de relevância na ONU, e se o governo do Brasil não inspira confiança no exterior....
Postar um comentário