quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Lula e o avião Rafale

12/01/2010


Nunca pensei que uma possível compra de aviões fosse render tanto salamaleque para cima de Lula neste ano que passou. Obama convidou-o para visitinha, chamou-o até de O Cara na frente da imprensa; por sua vez Sarcozy deu um jeito de o jornal Le Monde escolher Lula como O Homem do Ano de 2009.

Mas agora parece que jogaram farofa nas tratativas feitas entre Sarcozy e Lula, pois a ser verídica a noticia que correu pela internet de que o Pentágono resolveu que a indústria americana não mais fornecerá os componentes do avião Super Tucano caso Lula insista em comprar o encalhado e custoso Rafale...a coisa fica preta ( será politicamente incorreto dizer assim?) e isso é um sinal de que Obama percebeu que o Cara tem duas caras e acende velas para dois senhores.

Bem, os americanos ainda deixaram uma possibilidade ao governo brasileiro: eles até concordam que Lula não escolha o avião F-18, mas como os Estados Unidos tem participação importante nos componentes do avião Gripen sueco , esperam que a definição de Lula se faça por este avião e jamais pelo encalhado e custoso Rafale, a "Ferrari" de Sarcozy. Então , agora é que porca torce o rabo...pois a Embraer não pode dispensar os componentes americanos para o Super Tucano-tupiniquim...enquanto Lula detesta ser encurralado contra a parede, principalmente pelos gringos...Xiii , o clima está quente em Brasilia!
Postar um comentário