segunda-feira, 9 de novembro de 2009

VERGONHA




Enquanto um bando de covardes, tanto homens e mulheres, escondidos no meio da multidão urrando de forma irracional, aflorando suas frustrações, traumas, invejas, preconceitos e tantos outros sentimentos mesquinhos e desprezíveis é preservado, uma jovem, não importa se feia ou bonita, atraente ou não, mas certamente confiante e segura de si, é exposta à opinião pública de forma extremamente aviltante, com a expulsão da universidade, diga-se de passagem, das piores colocadas nas avaliações do MEC, sendo transformada de vítima em ré.

Triste realidade dos que num futuro próximo deveriam conduzir os rumos desta nação.
Postar um comentário