sexta-feira, 4 de setembro de 2009

LULA- A MADRASTA

Lula- a madrasta publicada no Diario do Sudoeste em 03-09-09

Lula disse em discurso que o papel do governo deve ser como de uma mãe, tratar todos com muito carinho, com muito amor, não deixar faltar nada para ninguém. Muito bom se essas palavras refletissem sinceridade do presidente do Brasil que quando está interessado na aprovação de seus projetos é capaz dos gestos mais impensáveis para consegui-lo. Falou aos pobres de sentimento, de informação, de argumentos e de esperança. Lula jamais falaria tais palavras diante de empresários e homens bem sucedidos, até porque seria motivo de troça. Bem se vê como o presidente tem duas caras, uma de coitado e filho de mãe analfabeta e a outra de altivez, autoritarismo e prepotência. Muito bom que os brasileiros comecem a conhecer a mãe que os governa. Um homem sem pudor, ganancioso e apegado ao poder, com cara de madrasta.
Izabel Avallone
Postar um comentário