sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Um tiro no pé.


26/08/2009

Lula, ao quebrar o já frágil equilíbrio de forças existente no Senado, dando e até forçando darem apoio irrestrito à Sarney apesar das consistentes denúncias contra ele , acabou dando um tiro no próprio pé!

Vejam porque.
Os governistas estão divididos, mesmo que a tropa negue o fato.
Suplicy rebelou-se em plenário, Flávio Arns debandou, Mercadante está correndo atrás do próprio rabo e acho que nem este ele encontra...virou lider de ninguem após ser humilhado por Lula. E o PT demonstra estar insatisfeito com a ingerência de Lula em assuntos que só caberiam aos dirigentes resolver e decidir.

Quanto à oposição , ela está demonstrando, através de várias ações, que não tem a menor intenção de contemporizar com o governo, já que Lula preferiu usar a metodogia dos brucutus. Neste ambiente criado exclusivamente por um Lula voluntarioso , e que , tal como aquele deputado gaúcho, parece estar se lixando para a opinião pública, os senadores não tem clima e nem condições de votar nada...nem mesmo a proposta tão almejada por Lula da nova CPMF . Ainda que rebatizada de CCS , continua tão vilã , rapina e injusta como antes.
Sabe que ...há males que vem para bem?
Postar um comentário