sábado, 11 de julho de 2009

Golpe antigolpe

29/06/2009

Quando lanceta um furúnculo estará o médico praticando uma agressão ao paciente? Da mesma forma, quando um Exército autorizado pela Suprema Corte de um país impede que um governante invista contra a Constituição - ao tentar alterar a lei para proveito próprio - estará ele praticando um golpe de Estado? Ou não estará justamente impedindo que este governo, pervertendo um mecanismo democrático como o plebiscito, usasse-o para efetuar um golpe de estado e inverter a ordem nacional e a Lei Maior?

Só não entendo porque as manchetes de alguns jornais brasileiros são tão imprecisas nesta questão,deixando o leitor pensar que houve um golpe de estado em Honduras quando ocorreu justamente o contrário : foi o Exército hondurenho que impediu um golpe de estado gestado pelo governo daquele país, insuflado pela propaganda chavista do presidente da Venezuela!

Aliás, já houve também um zunzunzum por aqui a respeito de um possível plebiscito para alterar nossa Constituição em prol de uma re-reeleição presidencial....lembram-se?
Postar um comentário